skip to Main Content

Você sabe o que é Criofrequência e para que a mesma serve? Na verdade, a mesma é de fato, nada mais é do que um equipamento sendo que esse mesmo funciona emitindo ondas eletromagnéticas que se alternam entre calor e frio.

                Esse procedimento já é o queridinho das próprias celebridades, visto que o mesmo ainda é capaz de estimular por completo o colágeno e a própria elastina da pele.

Além do mais, o choque térmico acaba por aumentar essa oxigenação, sendo que a mesma acaba por tratar por completo da gordura localizada em geral. Entre as mesmas a própria celulite, além de ser capaz ainda de promover um efeito facial de rejuvenescimento.

Saiba mais sobre a criofrequência

criofrequencia

                Sobre a Criofrequência é importante ressaltar que em primeiro lugar o frio de fato, é condutivo, sendo que o mesmo age de dentro para fora, logo o mesmo é controlado pela energia de ondas eletromagnéticas.

                Desta maneira, sabendo que essa onda eletromagnética age efetivamente por conversão, ou seja, de dentro para fora, então a mesma continua a ser ofertada ao cliente, tudo além de assegurar o controle desta temperatura.

VEJA TAMBÉM: Tudo sobre harmonização facial: o que é? Vale a pena?

                Lembrando ainda que ao ocorrer o encontro dessas duas temperaturas, isso é capaz de garantir ao cliente muita segurança, além de produzir por completo milhões de choques térmicos concedidos aos tecidos.

                Logo, o resultado disso tudo, acaba gerando uma espécie de terceiro efeito fisiológico, que então desestabiliza o metabolismo local por completo, desta maneira, o corpo ao ter acesso a tamanha energia, consegue obter não somente a mobilização do colágeno, mas também da gordura.

                Desta maneira a Criofrequência é muito indicada para a flacidez tissular que pode ser facial ou corporal e ainda para a conhecida “gordura localizada”. Além do mais, é válido saber ainda que a flacidez tissular acaba sendo controlada justamente porque o frio contribui no controle do inchaço.

                A partir daí o choque acaba gerando uma tensão instantânea na pele, sendo que ocorre então um efeito desintoxicante que faz com que os níveis de oxigenação desses tecidos sejam aumentados, isso ocorre justamente porque dilata os vasos sanguíneos que irrigam a pele.

Saiba aqui quais são os benefícios da Criofrequência

                São vários os benefícios concedidos através da Criofrequência, entre os mesmos temos informação dos seguintes:

  • De fato, o primeiro benefício da Criofrequência se encontra justamente na possibilidade de se fazer atingir o máximo de resultado tanto para a flacidez quanto para a gordura localizada, isso começa em uma única sessão;
  • A aplicação da Criofrequência de fato, é extremamente confortável sendo que a mesma ainda vem com sensação térmica FRIA, e isso acaba permitindo tratar pessoas que realmente possuem intolerância ao calor;
  • Possui poucas contraindicações entre as mesmas estão: aos pacientes que fazem uso de marcapassos, gravidez, pessoas que fazem uso de implantes tais como silicone, aos que fazem uso de corticoides, possuem epilepsia, câncer de pele, entre outros;
  • É capaz de combater por completo os três inimigos mais comuns da mulher: entre os mesmos se encontram a flacidez, celulite e até mesmo a gordura localizada;
  • Realmente é indicado tanto para o tratamento facial quanto corporal podendo agir por completo;
  • O procedimento permite tratar somente flacidez, se isso for da vontade do cliente;
  • É capaz de tratar áreas muito difíceis que fazem parte de nosso corpo, entre as mesmas estão: as papadas, gorduras localizadas entre a axila e até mesmo o seio, dos braços onde ficam as gorduras que mais aparecem ao darmos “tchau”;
  • O tempo de tratamento dura em média de 30 minutos;

VEJA TAMBÉM: Diferentes tipos de pilates e seus benefícios

                Muitas pessoas ficam em dúvida sobre fazer ou não a Criofrequência, na realidade, isso depende mais é da pessoa mesmo, justamente porque se querem resultados mais rápidos então esse deve ser o procedimento realizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tudo sobre Criofrequência: o que é? Vale a pena?

Back To Top